Braide acompanha vacinação contra Covid na semana em que jovens de 19 e 18 anos serão vacinados na capital

São Luís iniciou mais uma semana da campanha de vacinação contra Covid-19 sendo destaque nacional como a capital brasileira mais adiantada na imunização por faixa etária sem comorbidades. Nesta segunda-feira (21), está sendo vacinado o público de 19 anos e amanhã, terça-feira (22), é a vez de quem tem 18 anos.

A vacinação está ocorrendo nos nove pontos de imunização montados pela Prefeitura. O prefeito Eduardo Braide acompanhou o atendimento desta manhã no Centro Municipal de Vacinação (CMV) Multicenter Sebrae, avaliou as estratégias que fizeram da capital referência nacional na vacinação e destacou as próximas etapas da campanha.

Foto: Divulgação“Começamos a semana com São Luís sendo destaque na imprensa nacional por causa da campanha de vacinação contra Covid-19. Nós já estamos com 78% da nossa população adulta vacinada com a primeira dose. Nosso lema desde o início da campanha tem sido: basta ter vacina que vai parar no braço. Começamos a trabalhar no nosso Plano Municipal de Vacinação ainda no ano passado para garantir que assim que as vacinas ficassem disponíveis fossem aplicadas de forma rápida e organizada. Vamos seguir com todas as estratégias adotadas até aqui para que possamos vacinar a nossa população com as duas doses da vacina e superarmos essa crise sanitária”, destacou o prefeito Eduardo Braide, enaltecendo que o feito é resultado de muito planejamento e trabalho.

O estudante Matias Freitas foi um dos jovens de 19 anos vacinados com a primeira dose da vacina contra a Covid na manhã desta segunda-feira (21), em São Luís. “Agora eu estou mais tranquilo. Depois que vier a segunda dose, então, vai dar para voltar à rotina normal”, comentou.

Foto: DivulgaçãoCom a vacinação do público de 19 anos ao longo de todo o dia de hoje e de 18 anos ao longo de amanhã, São Luís será a primeira capital brasileira a ter sua população adulta (a partir de 18 anos) a ter tomado a primeira dose de vacina contra Covid-19.

Para avançar de forma rápida na vacinação, a gestão do prefeito Eduardo Braide montou diversas estratégias em seu Plano Municipal de Vacinação, que segue todas as diretrizes do Plano Nacional de Imunização (PNI) do Ministério da Saúde.

A principal delas foi montar centros municipais de vacinação em diversas regiões da cidade e com grande capacidade de atendimento. Com isso foi possível descentralizar o atendimento, facilitar o acesso da população à vacina e atender um grande número de pessoas de forma rápida, organizada e segura. Em um único dia, São Luís chegou a vacinar mais de 22 mil pessoas.

Foto: DivulgaçãoCom a instalação de nove pontos exclusivos de vacinação contra Covid-19, São Luís conseguiu avançar na imunização sem comprometer os demais serviços de saúde municipais, já que a estrutura da campanha não utiliza as unidades básicas de saúde.

Com isso, todos os atendimentos da atenção primária, ambulatorial, urgência e emergência continuam sendo prestados normalmente. Esta organização permitiu ainda criar unidades exclusivas para o atendimento a síndromes gripais leves, disponibilizar 120 leitos de internação para o tratamento da doença, incluindo Unidade de Terapia Intensiva (UTI), ambulatório para o atendimento de quem ficou com sequelas da Covid-19 e ainda seguir com a campanha de vacinação contra Influenza/H1N1.

Com a confirmação da variante indiana em tripulantes de um navio fundeado no litoral de São Luís, o prefeito Eduardo Braide requereu e recebeu doses extras de vacina do Ministério da Saúde para que pudesse iniciar uma vacinação em massa na capital por faixa etária. Com um maior público sendo convocado para vacinar, a Prefeitura criou e disponibilizou o Filômetro, plataforma por meio da qual o cidadão pode verificar o melhor lugar onde tomar sua vacina.

“Vamos finalizar a vacinação por faixa etária e iniciar as segundas chamadas para quem ainda não conseguiu tomar a primeira dose da vacina. Nossa meta é vacinar com a primeira dose 100% de nossa população adulta até o início do próximo mês. Vamos reforçar a importância da segunda dose e trabalhar para atender a estas pessoas. Além disso, já estamos fazendo o planejamento para vacinar os adolescentes de 12 a 17 anos. A Anvisa já liberou o uso da vacina da Pfizer para este público, mas ainda é preciso o Ministério da Saúde incluir esta faixa etária no Plano Nacional de Imunização e disponibilizar as doses de vacina necessárias. Assim que isto ocorrer vamos vacinar todos com a mesma rapidez com que temos atendido desde o início da campanha”, assegurou o prefeito Eduardo Braide.

Foto: DivulgaçãoA campanha de vacinação contra Covid-19 começou dia 19 de janeiro em São Luís. Cinco meses após o início de todo este trabalho e sendo referência nacional como a capital brasileira mais adiantada na imunização de sua população. Desde então, 573.144 mil pessoas já receberam a primeira dose da vacina contra o novo Coronavírus. E 114.992 mil pessoas já estão imunizadas com as duas doses.

Calendário de vacinação contra Covid-19 em São Luís: 

Terça-feira (22): 18 anos
Pontos de vacinação – 8h às 18h

  • Centro Municipal de Vacinação – Multicenter Sebrae
  • Centro Municipal de Vacinação – UNDB (Ginásio)
  • Drive-thru – Espaço Reserva (ao lado do Shopping da Ilha)
  • Centro Municipal de Vacinação UEMA
  • Drive-thru – UEMA
  • Drive-thru – Ceuma Renascença
  • Centro Municipal de Vacinação – UFMA
  • Drive-thru – UFMA
  • Centro Municipal de Vacinação Senai BR 135

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *