Maranhão recebe 600 mil testes para intensificar rastreamento de casos da Covid-19

A Secretaria de Estado da Saúde (SES) recebeu do Ministério da Saúde, neste domingo (23), 600 mil testes de antígeno para rastreamento de novos casos da Covid-19 nas principais entradas do Maranhão. A testagem será realizada nos aeroportos de São Luís e Imperatriz, na região portuária de São Luís e em outros pontos da Grande Ilha.

Os testes foram entregues pessoalmente pelo ministro da Saúde, Marcelo Queiroga, que na oportunidade também anunciou o acréscimo de 5% de doses de vacinas contra a Covid-19 para imunização da população dos municípios de São Luís, São José de Ribamar, Paço do Lumiar e Raposa.

“Nós trabalhamos juntos não só para evitar a transmissão comunitária da variante indiana, mas também para enfrentar a pandemia da Covid-19. Nosso objetivo aqui é fortalecer o Sistema Único de Saúde nessa grande ação integrada. Serão mais 300 mil doses para a Ilha e realização, de maneira pioneira no Brasil, de testagem em massa com teste de antígeno rápido”, afirmou o ministro.

O governador do Maranhão, Flávio Dino, destacou a disposição do estado em atuar como parceiro das ações para o monitoramento das portas de entrada marítimas e aéreas do território maranhense. “Tanto no que se refere a aeroportos e portos, onde o comando é da Anvisa, a Secretaria da Saúde do Estado e, creio que a do município, estão à disposição para ceder recursos humanos, a fim de que essas ações sejam possíveis dentro do planejamento feito pelo Ministério da Saúde. No que se refere à comunidade, nós já temos uma ação muito intensa e vamos ampliar isso com a disponibilização desses testes rápidos para detecção da Covid-19”, disse o governador.

Vacina contra a gripe

Para o secretário de Estado da Saúde, Carlos Lula, a atuação conjunta é essencial para o fortalecimento das ações de vigilância e cuidado da população. “Estado e União estão de mãos dadas no sentido de fazer o que importa, que é cuidar das pessoas. O fato de termos mais vacinas para conseguirmos imunizar mais rápido a população é ótimo e trará um pouco mais de tranquilidade, assim como a testagem em massa que é extremamente importante”, ressaltou.

O ministro Marcelo Queiroga também lembrou da importância da vacinação contra a gripe, outra frente essencial para que as unidades de saúde mantenham vagas disponíveis para Covid e outras doenças prevalentes, como enfermidades cardíacas e oncológicas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *