Márcio Jerry diz que fará representação contra Bolsonaro ao TSE por propaganda eleitoral antecipada no MA

O deputado federal licenciado Márcio Jerry (atua secretário de Cidades e Desenvolvimento Urbano do MA) disse que fará representação contra o Presidente Jair Bolsonaro à Procuradoria Regional Eleitoral e ao Tribunal Superior Eleitoral (TSE) por propaganda eleitoral negativa antecipada.

Jerry fará a representação em nome do PCdoB. “Dinheiro público para campanha eleitoral antecipada, o que é absolutamente ilegal”, afirmou.

De acordo com Márcio Jerry, Bolsonaro fez propaganda antecipada com a utilização ilegal de um evento público, utilizando dinheiro público. “Bolsonaro demonstrou total desequilíbrio mais uma vez hoje aqui no Maranhão em sua atividade de campanha eleitoral antecipada. Pesquisas mostram ele com popularidade derretendo, razão do destrambelho aumentado”.

Em agenda em Açailândia nesta sexta-feira (21), o presidente Jair Bolsonaro, ao lado do senador Roberto Rocha, que é pré-candidato ao governo, disse que nas eleições do próximo ano o Maranhão será liberto da praga do comunismo, fazendo referência ao governador Flávio Dino e seu grupo político.

“O estado do Maranhão, tenham certeza, brevemente será libertado dessa praga. Como falei no começo, foi em tom de brincadeira, mas é verdade. Só os do partido ficam gordos, o povo emagrece, sofre. Eles não tem o que oferecer a vocês”, declarou Bolsonaro.

Ainda em seu discurso, Bolsonaro chamou o governador Flávio Dino (PCdoB), de “gordinho ditador”.

“Lá na Coreia do Sul [do Norte, na verdade] tem uma ditadura, o ditador não é um gordinho? Na Venezuela, também uma ditadura, não é um gordinho lá o ditador? E quem é o gordinho ditador aqui do Maranhão?”, provocou Bolsonaro em cerimônia de entrega de títulos de terra.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *