Fernando Sarney destaca os 33 anos da Rádio Mirante AM

Na manhã desta segunda-feira (10), dia em que a rádio Mirante AM completa 33 anos, o presidente do conselho deliberativo do Grupo Mirante, Fernando Sarney, em entrevista ao radialista Jorge Aragão, no programa Ponto Final, parabenizou o veículo e destacou o importante papel que a Mirante AM exerce no estado.

“A Mirante AM é um veículo muito presente na vida dos ludovicenses e maranhenses de uma forma geral. Faz um trabalho comunitário, um trabalho bastante junto à população. Transmite e também faz com que os problemas da cidade sejam vistos e ouvidos por todos aqueles que podem resolve-los. Um veículo muito importante na vida de São Luís e na vida do Maranhão. Eu parabenizo ao Zeca Soares que é o nosso diretor geral da Mirante AM, a você (Jorge Aragão) e a todos que fazem a nossa brilhante equipe e vamos em frente, dos 33 vamos para mais 33”, disse Fernando.

Fernando Sarney reforçou que esse prestígio é observo nos índices de audiência. Ele também aproveitou para lembrar dos profissionais que fazem parte da história da Mirante AM.

“Pesquisas recentes indicam que em momentos, durante a manhã principalmente, ela atinge uma marca expressiva de 100 mil ouvintes por minuto. Isso, no nosso universo aqui é muito expressivo e mostra o grande prestígio que a Mirante AM tem junto à população e junto a todos que acompanham o dia-a-dia da nossa cidade e do nosso estado. E não, lá atrás quando a gente começa as coisas, não imagina o tamanho e a proporção que elas vão tomar e a história da Mirante AM ela tá ligada com o Fontenele que foi o nosso primeiro diretor geral, ao Zé Aniesse Haickel que era o grande padrinho da AM, quem foi a luta, comprou equipamentos, botou no ar mesmo, porque ficou um tempão, uns três quatro anos conversando com Fontenelle, e ele ainda na Difusora. E eu dizia a ele: -Não Fontenele, vamos montar a rádio, vamos fazer, estamos comprando equipamento. Mas aquilo foi se arrastando durante um tempo e se não fosse o Zé Aniesse que na época era o nosso diretor geral aqui do Grupo Mirante AM que pegou aquele negócio na unha e realmente fez e estamos hoje aqui com saudade do Fontenele, com saudade do Roberto (Fernandes), com saudade de alguns companheiros que passaram por aqui, mas construímos uma história, que é um história nossa, de vocês, dos profissionais que aqui trabalham e trabalharam”, lembrou.

Nessa data importante, fará sua estreia na Mirante AM, o jornalista e radialista Juraci Filho. Sobre a chegada do profissional, Fernando Sarney afirma que ele vem para enriquecer o grupo.

“É muito bem vindo. Nosso intuito é sempre ter os melhores profissionais aqui conosco. O Juraci vai enriquecer a nossa equipe, vai contribuir bastante e como eu disse é muito bem vindo, é uma pessoa que tem tradição no rádio maranhense e nós ficamos muito felizes em tê-lo aqui conosco. A AM é isso! É você (Jorge), é o Geraldo, são os nossos programas, é o Marcial, é agora o Juraci, todo mundo que trabalha aqui e que dá o seu sangue, que vive aqui, que vive a rádio, que vive o nosso dia-a-dia. E nós somos muito felizes, muito satisfeitos em ter esse veículo, em ter esses profissionais que fazem esse veículo ser grande como ele é”, destacou.

Com o processo de evolução tecnológica, os próximos passos da Mirante AM já estão definidos, uma vez que as ondas médias serão destinadas à telefonia. Sobre o processo de migração da Mirante AM, para a frequência modulada (banda FM), Fernando Sarney garantiu que a essência da rádio será mantida.

“A migração é um obrigação legal. As AM’s hoje atuam em um espectro de frequência que vai ser oferecido a outro tipo de atividade, no caso a telefonia. Então, essas AM’s do Brasil inteiro nesse espectro de frequência tá sendo disponibilizado para outra atividade e estão oferecendo às AM’s que migrem para FM. Foi dado um prazo que essa migração seja feita. Algumas emissoras já fizeram essa migração e nós vamos fazer isso em breve também. Então as AM’s como elas existem hoje em ondas médias, vão virar frequência modulada. A ideia é mantermos a essência, mantermos o grupo, mantermos a equipe e vamos migrar apenas de sintonia, mas certamente seremos a acompanhados pelos nossos ouvintes. Nós esperamos que até o final desse ano a gente conclua esse processo de migração e certamente vamos manter essa relação muito próxima com a nossa comunidade, com os nossos ouvintes e manter a essência da Mirante AM, sem dúvida”, finalizou. Clique aqui e ouça a entrevista completa.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *